comentar
publicado por maria mendonça, em 21.09.09 às 23:53link do post | favorito

Ora, ora... um programa sobre sondagens, até parece que andaram a ler o meu post.

Finalmente, não sou a única a pensar que com margens de erro de 3%, mais vale não afirmar nada e neste momento, está tudo em aberto.

 

Agora questiono-me, num país onde a "iliteracia matemática" é imensa, será que a maioria da população percebeu o que se falou sobre intervalos de confiança, a diferença entre sondagens e previsões e de que modo o resultado de uma sondagem pode influenciar o eleitorado? É que uma sondagem influência e até pode alterar a intenção de voto. É por este motivo que o  líder do CDS, Paulo Portas já veio defender a  proibição de resultados de sondagens durante a campanha eleitoral.

(Quando menciono iliteracia matemática, falo a todos os níveis de escolaridade, infelizmente existem muitos economistas e gestores de empresas que nem sabem como passaram a estatística e outros que ficaram pendurados com o canudo por causa desse "cadeirão".) 

 

 

Outra questão, durante o programa falaram que parte do população decide o voto na hora de colocar a cruzinha. Parece um pouco absurdo, uma decisão tão importante, que influência a vida dos outros, a nossa e a do país, e é decidido em cima do joelho, como um bom português, é sempre nas últimas... deve ser por isso que estamos neste estado.


comentar
publicado por maria mendonça, em 19.09.09 às 14:46link do post | favorito

 

Deparei-me, hoje no Público com mais uma sondagem. Desta vez feita pela Intercampos para a TVI, RCP e Público.

Os resultados são PS vence  com 33%, o PSD situa-se nos 30% o Bloco de Esquerda 12%, PCP 9,2% CDS 7%.

A amostra foi de 1024 pessoas, realizada entre os dias 12 e 15 de Setembro num sistema de simulação de voto em urna.

Agora vem a parte mais interessante e que quase sempre nunca se destaca.  A margem de erro indicada pela Intercampus é de 3,05 por cento.

  

Isto é, com uma margem de erro de 3% o PSD pode vir a ganhar com 33% e o PS perder com 30%. Honestamente, mais vale admitir há um empate técnico.

 

Por isso é que as sondagens valem o que valem, nada...

Com a estatística é muito fácil virar o bico ao prego, sempre que se quer e tentar iludir as pessoas.

 




pesquisar
 
Janeiro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

11
12
13
14
15
16

18
20
21
22
23
24

25
26
28
29
30
31


mais sobre mim